Há bastante tempo eu não caía, pelo menos não um desses tombos homéricos que a gente protagoniza na infância, do alto de um pé de manga ou em um racha de rolimã. Bom, há muito tempo eu não andava de bicicleta também e, hoje pela manhã, essa me pareceu uma opção rápida e econômica para ir trabalhar. Fui. Fiz o percurso um tanto ofegante devido aos anos impraticados, mas cheguei bem.
Todavia volto eu, cansado do trabalho, na chuva e correndo contra o tempo para não escurecer. Sabe, as coisas não funcionam direito na chuva. As pessoas correm sem olhar para os lados e o asfalto molhado não respeita a aderência e a aerodinâmica dos pneus.
Então foram alguns metros para cima, um giro no ar e eu no chão.
Quase que instantaneamente o sangue quente bebeu a agua da chuva e escorreu.
Levantei, me certifiquei de que tudo corria bem aos envolvidos, subi outra vez na bike e pensei – Isso não vai ser bom quando esfriar – .
Já em casa no banheiro, tirei a roupa, prendi a respiração e liguei o chuveiro. Para minha surpresa não ardeu.
Quer dizer, até ardeu, não vou dizer que não senti a pele lambida pelo asfalto reagir ao toque da agua fria, mas a memória emotiva que eu trazia dos meus dias de criança, a coisa parecia muito pior.
Acontece que a gente cresce, ama, faz mil planos, quebra a cara e se decepciona. Isso tudo leva a gente várias vezes para a cama e dói durante semanas e semanas. Parte a alma e a gente tem que seguir em frente até cicatrizar. Daí quando a gente sai para andar de bicicleta em um dia qualquer e resolve desafiar a física, você se dá conta de que andou suportando coisa muito pior, e que aquele buraco aberto no joelho tem mais gosto de nostalgia que das feridas que a gente aprendeu a tratar.

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s