Não desista dos seus sonhos de infância

desista

 

 

Na infância, eu tinha um amigo chamado Ricardo. Seu apelido era Tadão. Eu o adorava, porque era mais velho e me dava atenção. Não apena por isso, mas também porque ele me defendia – apesar de uma vez ter me dado um soco no nariz e me presenteado com um desvio de septo, que carrego até hoje.

Desvio de septo à parte, eu o considerava o meu melhor amigo do prédio. A gente se gostava tanto que passamos uma fase nos chamando de irmãos. Não me lembro exatamente quanto tempo essa fase durou, quando a gente é criança tudo parece maior e mais longo.

Tadão foi o primeiro amigo a me despertar sentimentos que valorizo até hoje. Foi ele, por exemplo, que me mostrou que posso ter um irmão que não nasceu da mesma barriga que eu. O amor que sentia por ele era maior do que a biologia que nos separava.

Foi ele, também, que me mostrou que amigos se defendem. E ainda que a gente se desentenda e dê socos no nariz um do outro, a gente se protege.

Lembro de um dia que desci para brincar com ele e levei uma cartolina branca. Desenhamos a casa onde moraríamos juntos quando fossemos adultos. Na época, o Tadão era apaixonado pela Andréa e eu era apaixonado pela Juliana. Desenhamos uma casa gigante para caber todo mundo, porque cada um queria ter 3 filhos.

Foi a minha primeira lição sobre comunidade. Naquele dia, entendi que a amizade é uma casa onde a gente guarda as pessoas que ama.

Eu ainda quero essa casa. Foi um sonho de infância, mas nunca desisti de sonha-lo. Espero um mundo onde a palavra conjugue fraternidade, união, compaixão e afeto, e encontre pessoas dispostas a encarná-las por amor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s