Ibira

ibira

 

 

Moro em São Paulo há quase 20 anos e ainda me encanto com o Ibira. Faço o mesmo
itinerário pelas ruas até chegar nas árvores silenciosas que me estendem seus abraços.
Tenho memórias afetivas em quase todos os cantos do parque: os shows, os passeios
de mãos dadas, empurrando carrinho de bebê, levando o cachorro pra passear, me
aventurando nas bicicletas enferrujadas, sonhando com as estrelas do planetário. Amo
a água de coco como recompensa da caminhada, os balões coloridos em meio aos
escorregadores, os urubus convivendo pacificamente com os cisnes no lago.
Andar pelo parque é caminhar dentro de mim, nas minhas ideias e pensamentos. A
diversidade de pessoas me fascina, misturando esportistas, atletas de fim de semana,
noivas fazendo ensaio fotográfico, crianças de todos os tamanhos, namorados
apaixonados, militares entoando gritos motivacionais, cachorros alegres e barulhentos.
Parece uma pausa na realidade, um intervalo onde posso ser quem quiser, anônima
nos trajetos tão conhecidos e reveladores. Um amigo diz ter o “seu parque”, escolhido
em meio a tantos nessa cidade tão cinzenta. Já pensei em ser cremada quando morrer
e aquela ideia romântica de jogar as cinzas no mar sempre foi a minha
preferida (desculpem, mas faz parte da vida planejar a morte. Até algumas músicas já
escolhi para meu velório, mas fica pra outra conversa). Ultimamente, entretanto, me
decidi: quero ficar no “meu parque”, as cinzas adubando as árvores que ouvem meus
segredos, a tristeza transformada em movimento, ser misturada com o caos e a terra
dessa cidade que me acolheu com tanta generosidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s