Camaleoa

camaleoa

 

Ela sempre gostou de mudar o cabelo. Diferente de muitas amigas que mantinham o corte há anos ela havia experimentado de tudo. Preto, ruivo, curto, longo, e até mechas azuladas na adolescência. Se precisava tomar uma decisão, mudar de emprego, terminar um namoro, seu refúgio era lá, entre as tesouras e secadores. Cortava o cabelo e sentia-se livre, com aquelas mechas loiras ficava a mais poderosa das mulheres, a progressiva dava o tom de seriedade que precisava para impressionar naquela apresentação.
Se os cabelos são simbolicamente extensão dos pensamentos mudar o cabelo era mudar a forma de pensar, abraçar o novo, desnudar nuances do feminino até então desconhecidas. Além disso a cadeira do salão em muito lembrava o divã que frequentou durante anos, repleta de conselhos e confissões. Era mais fácil mudar de marido que de cabeleireiro, costumava dizer.
Naquele dia quando ela chegou no salão ele notou algo diferente. Sem sorrisos, sem cafezinho. Pediu máquina zero e ele estranhou. Logo agora que a franja finalmente havia crescido e conseguimos acertar o tom acobreado. Mas ela começaria quimioterapia na semana seguinte e não queria acompanhar aquela queda dolorosa. Ela parecia triste, mas não tocou no assunto. Ficaram em silêncio enquanto as mechas salpicavam o piso do salão. Conseguiu segurar a emoção engolindo o choro (o cabeleireiro deixou escapar uma lagriminha discreta) e ao final nem se achou tão estranha assim. Até gostou do formato da cabeça, de certa forma altiva e elegante. Sabia que seria uma etapa difícil, mas estava cercada pelo afeto das pessoas. E, mais que isso, percebeu que a vida vai além de um punhado de queratina, e que a avó, mulher guerreira, dizia sempre que cabelo era um bem de raiz. O cabelo iria crescer de novo, ela derrotaria o câncer e a cartela de coloração estaria sempre ali, pronta para marcar mais uma fase da vida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s