Perder o trem, perder o jogo, perder a hora, perder o dia, perder a oportunidade, perder a voz, perder o abraço, perder o olhar, o calor, os cabelos por entre as mãos.

Perder o número, perder o endereço, perder o timing, perder o voô, perder a luta, perder o sorriso, perder sangue, perder o trabalho, o tato, o gosto. Perder as cores, perder-se pelo caminho.

Talvez perder nunca tenha sido de fato uma vontade nossa, íntima, profunda e verdadeira. Talvez quiséssemos apenas nos desligar de certas coisas para que o mundo passasse e um novo tempo chegasse. Não vejo “ganhar” como o contrário de perder, pois afinal de contas não é de posse que estamos conversando.

E se não é de posse, do que se trata então? Entendo ser difícil assimilar a “perda” de algo ou mesmo alguém, mas eu pergunto, como perder algo que nunca foi nosso? A sensação de ter algo é apenas uma forma de aliviarmos nossas angústias frente ao abismo das incertezas. A incompletude nos abraça e a impermanência nos observa com olhar de compaixão, para que então possamos escolher ou não ter sabedoria sobre tudo e todos que passam por nós, costurando assim, uma história.

Vivemos o dia a dia dessa forma, rodeados pela cultura do perder, e perder é para os fracos, desqualificados, que não tentaram o suficiente. Perder não pode ser uma opção.

Acontece que nossas não conquistas podem dizer muito da forma como devemos conduzir nossas vidas através de um propósito. Viver a dicotomia de achar que há apenas ganhar ou perder é reduzir o ser humano ao sim e não, enquanto que nosso propósito de existir fica à margem de tudo. Abraçá-lo talvez esteja acima de qualquer ganhar ou perder.

Por: @Bob_Inconsciente

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s