Sobre solidões acompanhadas e felicidade sozinho.

solitudeSozinho. E isso, impressionantemente, incomoda tanto os demais. Ir ao cinema sozinho. Jantar sozinho. Estar sozinho. Por que a minha solitude causa tamanho estranhamento? Para os que não sabem, solitude é o isolamento intencional. Sem nenhuma angústia  ou tristeza envolvida. Aliás, muito pelo contrário. É uma parte essencial da felicidade. Solidão porém é algo bastante distinto. E essa, infelizmente, vejo bastante, até mesmo nos mais acompanhados. Nos bares cheios. Nos casais em celulares. Todos os dias no metrô. Uma sensação que não podemos romper a qualquer instante, pois tantas vezes desconhecemos as suas causas e caminhos. Esta sim me preocupa. Como ser, como escritor, como amigo. Já a minha solitude, os meus cinemas e cafés sozinhos apenas me apetecem os prazeres. Sequer entendo porque tanto incomoda os demais. Talvez incomode a solidão destes. Porque, em mim, não causa nenhuma dor. Aliás, estou sempre sorrindo.

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s