Não posso apagar uma história de amor Só posso virar a página

virar-a-pagina

Radiohead – Exit Music (For a film).

Simples não é mesmo? Na teoria sim, uma página não pesa quase nada, mas existe em mim uma certa mania de permanecer em uma história que já acabou, sempre fui assim fico tentando procurar tudo aquilo que deu errado e assim eu decoro os acertos e os erros de uma convivência amorosa. Mas nada irá mudar, chegamos na última linha e confesso que enrolei muito para chegar na última palavra e por fim o temido ponto final

.

Por muitas vezes eu fico naquele espaço em branco que fica antes de virar a página, um espaço onde eu quero ser esquecido, o novo me perturba, prefiro ficar olhando para um lugar que conheço achando que tudo pode ter um conserto, mas para o bem da vida o tempo não permite que certas coisas sejam consertadas e as histórias de amor ficam mais bonitas quando estamos em um futuro e lembramos com carinho delas.

A nova página em branco pode causar medo pela sua imensidão onde tudo pode ser escrito, mas é apenas um universo novo, a descoberta, novos erros e novos acertos. Dá trabalho, mas virar a página é respeitar a liberdade do passado se tornar passado e seguir em frente, afinal a vida se faz entra começos e fins entre primeiro começo e o último fim.

23 comentários

  1. Precisava ler isso hoje. Provavelmente eu leia amanha e nos proximos dias, pra lembrar que certas coisas a gente nao consegue apagar, outras a gente guarda com carinho e precisa se permitir seguir em busca de um novo caminho.

    Curtir

  2. Estou numa fase péssima, e esse texto me fez pensar se está realmente na hora de virar a página, ainda estou presa à página atual, e acredito que ainda há muito por vir… enfim, belíssimo texto.

    Curtir

  3. Você pega o sentimento de cada pessoa que ainda tem coração e transforma em textos maravilhosos. Obrigada por existir. Obrigada por encher nosso peito de muito amor. Apenas obrigada.

    Curtir

  4. É simplesmente sensacional ler tudo que você escreve, é como se nós nos deparamos com nossas almas em cada palavra, cada vírgula que voce discorre.
    Você é extraordinário!
    Obrigada de coração, é como se você soubesse tudo que vivo e sempre me da respostas de tudo…
    Sei bem como o novo assusta, da medo, mas como você mesmo disse temos que virar a página!!!

    Curtir

  5. Ahh é perfeito essas poesias que me descreve! Poxa aqui no RJ precisa ter uma participação do no sofá, e com certeza eu ia conferir esse evento de poesias.

    Curtir

  6. Pura beleza esse seu texto, fragmentos de uma linda história de amor, te descobrir foi maravilhoso. Voce escreve com a alma de um trovador. Quando vir ao Rio de Janeiro avise, quero te dar uma abraço. Obriagada por partilhar. 🙂

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s