Não vejo defeito em quem não sabe amar. Só não guardo no peito.

whatsapp1Sim, eu sei…

Você certamente pensou que eu estava ansioso, contando os segundos para receber sua mensagem. Respondi rápido, não foi? Pois é. Eu estava online. Estava com saudades também. Por isso respondi.

Eu? Não, não aprendi a submeter meu coração à cartilha deste amor moderno. Pouco importo se para vocês a melhor maneira de demonstrar interesse é agir como se pouco caso fizesse. Não faço pouco caso. Faço muito caso de falar com você.

Mas acaso eu me torne disponível demais aos olhos teus, caso minha entrega incomode seu orgulho, saiba que para tudo dá-se um jeito. Nem que o jeito seja, enfim, perceber que não temos motivos sequer para tentar.

E quero que saiba que no fim das contas, nada fica em mim. Não fica o amor, nem tampouco o ódio. É que sempre fui de pensar assim: não vejo defeito em quem não sabe amar. Só não guardo no peito.

Vida que segue.

6 comentários

  1. Realmente é difícil de entender os relacionamentos de hoje em dia. Se você está a fim tem que mostrar desinteresse. Não pode responder rápido senão corre o risco de parecer um completo desesperado. Mas pra mim, o amor além de ser sentido deve ser demonstrado. E se não dá pra amar na mesma intensidade, é como você mesmo disse ”não temos motivos sequer para tentar.”
    Adorei o texto! ♥ Parabéns!

    Curtir

  2. Que perfeição. Um dia pensei que eu estava sendo trouxa, por responder rápido, por fazer caso, por está sempre disponível. Mas não, eu não sou trouxa, eu apenas sei amar. Obrigada pelo lindo texto.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s